Como Reproduzir o Canário-belga

Normalmente o Canário-belga, também conhecido como Canário-do-reino, se reproduz entre os meses de agosto a dezembro. Eles começam o processo de conquista e acasalamento na 2ª quinzena de Julho, assim os primeiros ovos são postos logo no começo de agosto. Apesar da época citada ser a melhor para a procriação, é possível fazer a reprodução do Canário-belga durante todo o ano, desde que eles não estejam mudando de penas e que não faça muito frio durante o inverno.

Reproduzir o Canario Belga

O Canário-belga está pronto para reproduzir?

O melhor indício de que o Canário macho está pronto para o acasalamento é o canto. Eles começam a cantar fortemente, com gorjeios demorados e altos, ficando muito ativos, cantando e pulando de um poleiro para o outro.

Já as fêmeas de Canário-belga começam a “esquentar”. Elas respondem o canto do macho com uns piados altos, batendo as asas, pulando entre os poleiros e “abaixando-se”. Estes são sinais claros de que está pronta para a reprodução. Se o casal estiver demorando a ficar pronto, uma boa vitamina “E”, facilmente encontrada em lojas de produtos para animais, poderá ajudá-lo.

Preparativos para reproduzir o Canário-belga

Quando ambos estiverem dando sinais de estarem prontos você poderá juntar o casal colocando-os na gaiola de criação. O casal ainda deverá estar separado pela grade divisória. Outra forma é aproximar as gaiolas e deixar que eles se veja. Com isso o macho cantará mais forte ainda, buscando conquistar a fêmea, que por sua vez, com o passar do tempo, irá ceder e “abaixar” para o macho, mostrando a intenção de ambos. Neste ponto basta juntar os dois e que provavelmente a reprodução dos Canários-belga acontecerá de imediato.

A fêmea irá botar de 3 a 4 ovos em dias seguidos, sempre na parte da manhã. Pode acontecer que ela não bote o ovo em um dia, ou seja, irá “pular” este dia, e botará no outro. A maioria dos criadores retira os ovos de Canário-belga assim que eles são postos, substituindo-os por “ovos indez” (ovos de plástico), colocando-os em um pote contendo sementes ou algodão.

Lembre-se de virar os ovos diariamente. Isto evita que a gema grude na casca, fazendo com que o embrião não se desenvolva. Os ovos retirados devem ser colocados no ninho na noite do 3º dia. Teoricamente a fêmea irá dormir no ninho, botar o 4º ovo pela manhã, começando a chocar. Este procedimento é importante pois faz com que todos os filhotes nasçam praticamente no mesmo horário, evitando diferenças de tamanho entre eles, o que poderia causar a morte dos menores.

Tome cuidado ao pegar os ovos, pois eles são pequenos e frágeis, podendo quebrar se forem manuseados de forma errada. Você também pode recolher os ovos com a ajuda de uma colher. Veja mais informações sobre retirar os ovos de Canário-belga do ninho.

Os filhotes de Canário-belga nasceram, e agora?

Após 13 dias do início do choco os filhotes nascem. Pode ocorrer um atraso de até 2 dias, caso o clima esteja muito frio. Após o nascimento os pais fazem todo o trabalho de alimentação dos filhotes. Será necessário deixar na gaiola apenas os alimentos comuns do dia a dia, acrescidos de farinhada de ovo, couve, almeirão, jiló, ovo cozido.

Com aproximadamente 20 dias os filhotes começam a sair do ninho e experimentar os primeiros voos. Com cerca de 1 mês começam a comer sementes e podem ser separados dos pais. Estas são algumas dicas e temos certeza que você irá conseguir reproduzir o Canário-belga, caso siga todas! Aproveite também para ver como escolher o ninho para Canário-belga!

Saiba os segredos para criar pássaros!

Coloque seu melhor email para receber gratuitamente as melhores dicas e informações sobre o seu pássaro favorito!

Loading...

Deixe a sua opinião

Comentários

Você gosta de criar pássaros?
Então coloque agora o seu melhor email para receber dicas e informações sobre o seu pássaro favorito!
Muito Obrigado
Close
Ei, espere um pouquinho!

Antes continuar lendo, coloque seu nome e email para receber gratuitamente dicas e informações sobre o seu pássaro favorito!

x