Como Criar Tenébrio-molitor

O tenébrio-molitor, também chamado de larva da farinha, tenebra e bicho da farinha, é um besouro que quando adulto terá cerca de 1 a 3 centímetros de comprimento. As fêmeas costumam ser um pouco maiores que os machos. Eles não voam, não tem cheiro forte ou ferrão, também não picam ou soltam qualquer tipo de substância estranha ou pegajosa. Também não se tem notícias de qualquer tipo de doença que possa ser transmitida por eles, tornando-o uma opção segura para ser criado em casa.

tenebrio

Ele consegue reproduzir de forma assustadora já que cada fêmea poderá botar entre 500 a 1000 ovos em cada desova. Essa característica o faz ser muito utilizado para diversos criadores de pássaros, peixes e lagartos. Desta forma tornou-se um excelente alimento vivo, com valor bastante acessível e que é rico proteína animal, carboidratos, matéria fosfatada e fibras digestíveis.

Fases da vida de um tenébrio-molitor

O tenébrio-molitor possui 4 fases em sua vida. Ovo, larva, pupa e besouro. Ele completa todo o ciclo com cerca de 4 meses em condições ideais. Tais condições são temperaturas que variem de 26 até 32 graus centígrados e com uma boa umidade do ar, por volta de 75%.

Em locais mais frios as larvas tendem a “hibernar”. Elas diminuem a quantidade de comida ingerida e conseqüentemente demoram mais a se desenvolver. Você pode inclusive guardar as suas larvas vivas dentro da geladeira. Elas irão manter-se em forma larval por mais tempo, podendo atender aos seus animais de estimação.

Crescimento das tenébrio-molitor

Como falamos, cada fêmea irá botar até 1000 ovos que irão eclodir após 10 ou 15 dias. Eles darão origem a larvas minúsculas, que irão crescer rapidamente. Estas larvas farão de 5 a 7 mudas de pele, portanto é normal ver diversas “peles soltas” na sua colônia. Essa fase de crescimento das larvas irá durar cerca de 2 meses, quando atingirão cerca de 3 centímetros de comprimento. A próxima etapa é virar pupa, para então transformarem-se em besouros.

pupas-tenebrio-molitor

Etapas da criação de tenébrio-molitor

Para criar tenébrio-molitor você precisará de 1 vasilha. Pode inclusive ser essas travessas de plástico facilmente encontradas em lojas de “1,99”. Faça pequenos furos na tampa, para entrar ventilação, ou faça um corte e cole uma “tela mosquiteiro” bem fina. Isso é importante para a saúde da colônia.

Nesta vasilha você colocará o alimento das larvas. O alimento poderá ser uma mistura de aveia, farelo de trigo, proteína de soja e flocos ou fubá de milho. Basta misturar os produtos e colocar na vasilha. Lembre-se que quanto mais larvas mais alimento. Você também pode simplificar a alimentação, fornecendo uma ração pronta, podendo ser para frangos, codornas ou coelhos.

Vasilhas para criar o tenébrio-molitor:

  • Vasilha 1: Larvas em fase de crescimento;
  • Vasilha 2: Apenas as pupas;
  • Vasilha 3: Besouros reprodutores.

Esse manejo dará um pouco mais de trabalho porém você terá um resultado melhor. Os besouros podem comer as pupas e/ou larvas. Sempre que você ver uma pupa na vasilha 1 retire-a e coloque na 2. Esta vasilha poderá ser menor, somente com um pouco de comida no fundo. Quando elas virarem besouros transfira para a vasilha 3. Após acasalarem os besouros acabarão morrendo, mas antes irão depositar vários ovos no substrato da vasilha 3. Isso faz com que você também tenha larvas na vasilha 3. Elas poderão ser transportadas para a vasilha 1 quando for necessário.

besouro-tenebrio-molitor

Água para as tenébrio-molitor

As larvas de tenébrio-molitor e os besouros conseguem retirar a umidade do ar. Mesmo assim é importante colocar uma fonte de água para eles. Isso fará com que se desenvolvam mais rapidamente e fiquem mais saudáveis. Você poderá utilizar fatias de cenoura, batata, abobrinha ou outro legume, além de folhas como couve, repolho e similares. Coloque uma atadura, pedaço de plástico, ou até mesmo um papel toalha por baixo do legume. Isso evita que ele fique em contato direto com o substrato, o que poderia fazer com que este ficasse mofado, colocando em risco a sua criação.

Manutenção das caixas de tenébrio-molitor

Quando a sua vasilha 3 estiver com muitas larvas é aconselhado que você peneire o substrato. Procure separar as larvas maiores, passando-as para a vasilha de engorda. Após um certo tempo, que dependerá da quantidade de larvas que possuir, sobrará apenas um pó fino na caixa de engorda. Você deverá então passar este pó por uma peneira fina separando todas as larvas que ficarem presas.

Em seguida guarde este pó por pelo menos 60 dias.Você irá observar que irão nascer várias larvas, pois ainda existem vários ovos neste material. Após este período novamente peneira o pó, separando as larvas. Este pó resultante poderá ser utilizado como adubo de excelente qualidade.

Tente fazer a manutenção das suas caixas pelo menos 1 vez por semana. Nunca deixe nenhum alimento mofado ou coloque as fontes de água em contato direto com o substrato. Indicamos que você deixe as fontes de água por no máximo um dia, trocando-as em seguida. Você pode colocar sobre a sua criação uma caixa de ovo, ataduras ou um outro pano qualquer.

Como fornecer os tenébrios-molitor

Para pássaros o mais normal é dar as larvas. Escolha as maiores caso crie pássaros grandes como o trinca-ferro. Se tiver pássaros menores, como coleiros, dê larvas menores ou então poderá oferecer larvas de besouro-do-amendoim, que são tenébrios bem menores. Outra opção disponível são os tenébrios-gigantes.

Na noite anterior ao dia que for servir os tenébrios você poderá deixá-los em um pote com leite em pó, ou um alimento rico em vitaminas, assim seu animal de estimação terá um alimento ainda mais vitaminado. Muitos criadores também costumam empanar os tenébrios, ou seja, o colocam em uma vasilha, com cálcio por exemplo, e depois os servem.

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 1 votos - Média: 5 estrelas

É GRATUITO!!!

Saiba os segredos para criar pássaros!

Coloque seu melhor email para Receber Gratuitamente as melhores dicas e informações sobre o seu pássaro favorito.


Artigos Relacionados!


Não vá embora sem deixar um comentário!