Saiba Tudo Sobre o Agapornis-roseicollis

O agapornis-roseicollis é uma das espécies do gênero agapornis mais comum e facilmente encontrada a venda no Brasil. Ele é originário da África e acreditava-se ser uma subespécie do agapornis-pullaria. Somente no ano de 1817 acabou sendo reconhecida oficialmente como uma nova espécie. Os roseicollis medem de 15 a 17 centímetros de comprimento e pesam entre 45 a 50 gramas. Geralmente as fêmeas são um pouco maiores do que os machos, porém isso não é suficiente para identificar o sexo das aves.

Saiba Tudo Sobre o Agapornis-roseicollis

O método mais seguro para isso é através de um exame de DNA. Este teste pode ser facilmente comprado pela internet e não custa muito caro. Outra forma é deixar vários pássaros juntos e observar o comportamento. Com o passar dos dias eles acabarão fazendo pares. Uma das maiores características destas belas aves e o que acaba atraindo a atenção dos criadores é sua grande variedade de cores e mutações. No entanto o mais comum são as aves verdes, cor esta que são encontrados na natureza.

Alimentação do agapornis-roseicollis

A sua alimentação é bem comum uma vez que são granívoros, ou seja, comem sementes e grãos. Em cativeiro podem ser alimentados com alpiste e principalmente painço. Atualmente existem diversas misturas de sementes e também rações comerciais que podem ser facilmente encontradas em lojas de produtos para animais de estimação. Procure uma que seja de boa qualidade e seu pássaro terá todos os nutrientes e minerais para ter uma vida saudável.

Reprodução do agapornis-roseicollis

A reprodução em cativeiro é bem comum, tendo como principal empecilho a formação dos casais, como falamos acima. Os agapornis também são conhecidos como aves do amor, ou seja, ficarão juntos para sempre, até que um venha a morrer ou então sejam completamente separados. Eles utilizarão ninhos do formato de caixa de madeira, um pouco maior do que os que são utilizados pelos periquitos-australianos. A postura é bem grande, com 4 a 8 ovos em cada ninhada. Com cerca de 3 semanas os filhotes começam a nascer e com 30 a 40 dias poderão ser separados dos pais.

Mais informações sobre o agapornis-roseicollis

De forma geral são aves bem fortes e saudáveis e que dificilmente terão grandes problemas de saúde. Por serem aves de origem estrangeira podem ser criadas tranquilamente no Brasil. Não serão necessários qualquer tipo de liberação ou autorização do IBAMA. De modo geral todos os tipos de agapornis são bem semelhantes, por isso você poderá acompanhar informações mais detalhadas sobre a espécie vendo nossas matérias sobre este pássaro clicando aqui.

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 2 votos - Média: 5 estrelas

É GRATUITO!!!

Saiba os segredos para criar pássaros!

Coloque seu melhor email para Receber Gratuitamente as melhores dicas e informações sobre o seu pássaro favorito.