Saiba Tudo Sobre o Coleiro-baiano

O coleiro-baiano possui o nome científico de Sporophila nigricollis. Ele pertence a família Thraupidae e em inglês é chamado de Yellow-bellied Seedeater. Possui vários nomes populares como Bico-de-prata, Cabecinha-preta, Coleirinha-baiano, coleiro-paulista, Papa-arroz, papa-capim, Papa-capim-baiano, Papa-capim-de-peito-preto, Papa-capuchinho e pretinho. Veja mais alguns papa-capins.

coleiro-baiano

Distribuição do coleiro-baiano

Ele pode ser encontrado na Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Equador, Granada, Guiana, Panamá, Paraguai, Peru, Suriname, Trinidad e Tobago e Venezuela. Ele está bem distribuído pelas Américas do Sul e Central. Os seus habitats naturais são os matagais tropicais ou subtropicais de alta altitude, pastagens agrícolas, florestas secundárias,  clareiras relvadas ou arbustivas, sendo  raro ser encontrado no meio urbano.

Características físicas do coleiro-baiano

A barriga do macho é num tom amarelo fosco claro, quase branco. Ele mede cerca de 11 centímetros de comprimento. Possui um capuz preto em sua cabeça com partes superiores num tom de azeitona marrom. Os filhotes machos adquirem a plumagem de adulto com cerca de 18 meses de idade. As fêmeas são bege e os filhotes são pardos.

Alimentação do coleiro-baiano

Ele come principalmente sementes de grama. Costuma frequentar comedouros com sementes com painço, alpiste e quirera de milho, onde reúnem-se em grupos, fora do período reprodutivo, misturando-se freqüentemente a outros pássaros que também se alimentam das sementes.

Reprodução do coleiro-baiano

São monogâmicos durante o período reprodutivo. O ninho deste coleiro é feito de gramíneas, fibras e caules fininhos. Normalmente ele é redondo e raso, com paredes finas, feito em arbustos baixos ou árvores pequenas, sendo colocado próximo de várias folhas,  de forma que o ninho possa ficar mais escondido e protegido de predadores.

Em cativeiro pode-se usar o ninho que é facilmente encontrado em lojas de produtos para animais. Está pronto para acasalar quando atinge os 10 meses de idade. É interessante esperar até 1 ano para iniciar o processo. A fêmea de coleiro-baiano põe 2 ou 3 ovos que possuem a casca esverdeada ou amarelada com muitos pontos marrons. Eles tem de 2 a 4 ninhadas por temporada. O processo de choca é de responsabilidade da fêmea, que irá fazer este trabalho por cerca de 13 dias, até o nascimento dos filhotes de coleiro-baiano.

Canto de coleiro-baiano

O canto do coleiro-baiano é muito agradável para quem escuta, porém costuma ser menos melodioso que o canto do coleirinho. Um dos cantos mais procurados é o tuí-tuí-zero-zero. O que mais me impressiona é a sua vocalização e a fibra do pássaro, já que é possível atrair um coleiro-baiano colocando o canto de outro, o que facilita a sua captura ilegal.

Como baixar ou ouvir cantos de coleiro-baiano

Você pode baixar cantos de coleiro-baiano em nosso site, para isso basta clicar com o botão direito em cima do nome do canto, em seguida clique em “Salvar Link Como…” e escolha o local onde ficará salvo. Você também poderá escutar, para isto basta clicar no botão play.

Canto de coleiro-baiano Tui Tui Zel Zel

Canto do coleiro-baiano Tui Tui Zero

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 1 votos - Média: 5 estrelas

É GRATUITO!!!

Saiba os segredos para criar pássaros!

Coloque seu melhor email para Receber Gratuitamente as melhores dicas e informações sobre o seu pássaro favorito.


Artigos Relacionados!


Não vá embora sem deixar um comentário!